Marketing de Relacionamento

Hell-acionamento?

Engraçado… Desenvolvemos planejamentos diversos, para os mais variados pedidos: corporativos, marketing, comunicação e, dentro desta, promoções, treinamento, endomarketing. Mas às vezes chega um prospect e se enerva porque quer “soluções” para o Marketing de Relacionamento. E vem logo dizendo “Já fiz de tudo em premiação…”, como se dar presentes, gifts pudesse ser sempre eficiente (não que não seja às vezes).

Mas o que pensamos a respeito do Relacionamento está implícito na própria palavra: relacionar. Através de uma – dentre muitas – listagem, em um lugar. Relacionar em um memorial específico, exclusivo, que garanta estabelecer de fato um relacionamento.

Não dá para mandar uma aliança de ouro para uma moça e esperar com isso que ela aceite um pedido de relação duradoura, um casamento. Também não acreditamos que basta escrever um bilhete atencioso e que todas as dúvidas e inseguranças se dissipem.

O relacionamento – explicitado na origem – é um caso a caso que não permite uma receita. Talvez, dentre todos os desafios do marketing, este seja o mais singular, aquele que precisa, invariavelmente, de um estudo dentro da palavra da moda: customizado. Isso em off e em online. Até porque a linguagem web para estreitar relações clientes X marcas é um desafio à parte. Não se pode abrir demais, muito menos ficar fora.

A Planners proporciona uma entrega de negócios full service, isto é, todas as necessidades relacionadas ao marketing, antes e depois do produto em comunicação. Mas, os processos de criação, por onde começamos e por onde caminhamos até o fechamento, o que estudamos, sempre é original e, no caso das campanhas de Relacionamento, nem sei bem porque, acabamos por entrar mais fundo para espiar e tentar encontrar uma porta de canto que ainda não foi passagem e que pode ser a entrada que todos esperam.

Pensei nisso agora porque uma marca importante, que desenvolveu e desenvolve projetos importantes, colocou seu exército de profissionais experientes na missão de que nós, da Planners, de fato pudéssemos entender e depois lhes trazer algo que atendesse o propósito de aumentar, valorizar, construir e estreitar um duradouro relacionamento entre os seus clientes e prospects com a marca.
Vamos lá. Este desafio é dos bons e por isso a gente entende que já começamos bem a nos relacionar.



0 comments